Páginas

Unidades de Conservação


Início > Cobertura Vegetal > Unidades de Conservação


As regiões Norte e Noroeste Fluminense possuem um grande deficit de cobertura vegetal, em especial pelo cultivo da cana-de-açúcar no Norte Fluminense, e do café no Noroeste Fluminense, estando .totalmente inserido no bioma Mata Atlântica.

O bioma abrange 17 estados, dentre eles o Rio de Janeiro, com área total de 1.103.961 km²  e 841.550  km² de área desmatada.

Como forma de compensar essa perda de vegetação a região vem protegendo os fragmentos de mata atlântica restantes com a criação de unidades de conservação da natureza segundo os dispositivos do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, Lei  9.985/2000, bem como legislações estaduais e municipais em vigor.

São por volta de 69.000 ha em UCs de proteção integral (PARNA, PE, PNM, PEM, EE, RVS, MN, REBIO, FLOE), e 169.000 ha de uso sustentável (APA, RPPN, ARIE), contabilizando as UCs de gestão federal, estadual, municipal e particulares.

Apresentamos nessa seção os dados das UCs presentes na área foco do Ob.SobAmb.gião.



UNIDADES DE CONSERVAÇÃO LEGISLAÇÃO DAS UCS
Conheça as unidades de conservação do Norte e Noroeste Fluminense. Conheça as normas de criação e gestão das UCs da região Norte e Noroeste Fluminense.
Em breve   Leia mais  

--

Nenhum comentário:

Postar um comentário